Cuiabá (MT), domingo, 23 de setembro de 2018
Turma do Epa

Quem Somos

Turma do Epa! foi inspirado num conceito criado por Ivan Lessa no extinto Pasquim. De acordo com o jornalista, o mundo se divide em dois tipos de pessoas: as que gritam Oba! e as que exclamam Epa! Os Oba! são otimistas, permissivos e aproveitadores. Os Epa! são desconfiados e inflexíveis. Os Oba! se locupletam enquanto os Epa! se escandalizam.
Ao conceito de Epa!, que expressa a linha jornalística que perseguimos: contundente e direta, acrescemos uma pitada de bom humor, pois já ensinavam os romanos que rir é o melhor castigo (ridendo castigat mores). Enquanto a corte se refestela, resta à patuleia atirar pedras e se divertir fazendo piada do rei. Em tempo: atirar pedras é no sentido figurado.
A sede mundial da Turma do Epa! tem suas amplas instalações em Cuiabá, Mato Grosso (avenida Carmindo de Campos nº 146, sala 29). Obs: Se vier, entre sem bater (na gente). Contatos pelo e-mail: redacao@turmadoepa.com.br ou no telefone: 65 81149065
Aceitamos sugestões de pauta e colaboração (gratuita) de artigos e matérias, desde que não seja de fornecedores de opinião (baba-ovos) patrocinados pelo rei. Não falta veículo para estes.
O site foi concebido pelo jornalista José Roberto Amador (responsável, ou quase...) e conta com o auxílio luxuoso das jornalistas Amanda Alves e Aline Costa e do webmaster Júnior. O sistema foi desenvolvido por Walter Cruz a partir do design de Hermanes Mascarenhas.
Muito mais gente colaborou com seus pitacos até a página entrar definitivamente no ar. A todos o nosso sincero agradecimento. Os leitores podem ajudar na formatação do site com dicas para melhorar a navegação e o conteúdo. As colaborações serão sempre bem-vindas.
Nosso compromisso é com a liberdade, a democracia e o contraditório. Não participamos de passeatas, protestos e coisas do gênero. Não frequentamos clubes e nem em turma a gente anda. Os Epa! são essencialmente individuais. Cada um cuida da sua vida e não aceita interferência do rei. Se você se identificar, faça de www.turmadoepa.com.br a sua página inicial e ajude a divulga-la na sua rede.

NR: O jornalista José Roberto Amador desligou-se do site em 30 de Dezembro de 2011. A partir desta data, o editor responsável pela página é o jornalista Itamar Perenha. A linha não muda (haja carretel...)


Eparre

 Sufoco


Pedro Taques está no sufoco. Vê o fim do mandato sem vislumbrar uma perspectiva de renovação. Há apostas de que a carreira política do governador termina em 31/12 engolfada pelas incoerências que não conseguiu suplantar.

 Resistencia


O Comitê Eleitoral de Taques vai levar a resistência até o final numa aposta de que MM reflua num segundo turno como já aconteceu anteriormente por mais que eleições não se repetem. As defecções que podem afetar o governador na reta final ainda não se verificaram e a diáspora, por enquanto, parece contida.

 Renovação ou mais do mesmo?


Há quem aposte numa renovação nos quadros da Assembleia Legislativa, mas, fala-se, pelos cantos, em mais do mesmo. Tem-se uma razão: após a onda de prisões preventivas ou temporárias ou noticiário se amenizou e trouxe esperanças a quem pretende continuar. Por enquanto, dúvida atroz.

 Calote da AL


A Assembleia Legislativa vem usando um expediente para serenar os ânimos da mídia: renovar as esperanças de recebimento de valores que sequer foram processados no ano devido (2016). A "Notificação Extrajudicial" promovida pelos prejudicados, se não foram perfiladas nos tais "Restos a Pagar" serão apenas mais uma frustração. A operação.

 Cala a boca


A operação recebeu um nome bem apropriado: "Cala a boca". Os esperançosos de que os trocados irriguem os cofres preferem não se exaltar, mas, os endividados não parecem dispostos a buscar um eventual SPCiro para se haverem com as respectivas obrigações.

 Operação Esparadrapo


O Executivo preferiu outro caminho: processou devidamente os Restos a Pagar e editou um decreto para garantir o pagamento das dívidas em 11 meses sem juros ou correção monetária. Ninguém garante, no entanto, que um novo chefe, apesar da impessoalidade da administração pública, leve isso a sério quando assumir. Esta operação tem recebido um nome hospitalar: "Esparadrapo".

Eparre

Sexta, 16 de fevereiro de 2018
K.W.
Estranha a edição. Essas agressões na Fecomercio não são gratuitas. Há muita sede de poder. Só pode.

Sexta, 15 de dezembro de 2017
Juvenal
Respondendo ao amigo.
Ficou para depois do carnaval..
Vai Brasillll!!!

Sexta, 08 de dezembro de 2017
Roberto Alves
Alguém acredita que a reforma da previdência sai em 2017?

Terça, 15 de agosto de 2017

Vocês estão todos no grampo. Se não for ilegalmente alguém da Justiça já deve ter determinado grampo em vocês. Ta todo mundo quietinho e aprovando prisão de qualquer jeito e vocês acham que prisão é pro cara ficar no bem bom?

DEIXE SUA OPINIÃO OU COMENTÁRIO
Nome:
Texto:
Email:
Coluna:
Vídeos
 HUMOR
10 coisas que você não deve fazer num velório!
HOME  |   TURMA DO EPA  |   PANORAMA  |   VÍDEOS  |   LEITURA  |   EPARRÊ  |   EPA DOS LEITORES
BROADCAST  |   QUEM SOMOS  |   DIREITO DE RESPOSTA  |   ANÚNCIOS  |   CANAL RSS  |   CONTATO
Copyright © 2011 - Turma do Epa. Todos os direitos reservados