Cuiabá (MT), terça, 23 de maio de 2017
Turma do Epa
Quarta, 15 de maio de 2013, 19h39
Chapeu SEM INVESTIMENTO

Escolas estaduais e as precariedades no espaço físico

Estabelecimentos de ensino do Estado recebem equipamentos de ar condicionado mas não podem instalar os aparelho devido a fragilidade ou falta da rede elétrica nas unidades de ensino.
Fernanda Leite  / Cuiabá - MT

Os trabalhadores da Educação de Mato Grosso, em ato público realizado nesta quarta-feira (15/05) na Praça Alencastro em Cuiabá, mostraram como estão as condições das escolas públicas de todo o Estado: uma verdadeira calamidade pública.

Das 729 unidades escolares, foram apresentados por meio de exposição fotográfica os problemas registrados em 50 escolas estaduais de vários municípios. Os representantes da educação de cada região relataram que os problemas na estrutura física das unidades educacionais são praticamente os mesmos e predominam entre eles as deficiências nas redes elétrica e hidráulica, além da falta de manutenção.

Gestão Maggi

Os educadores apontaram que a maioria dos problemas estruturais surgiu nas reformas efetuadas na gestão do ex-governador Blairo Maggi (PR).

O diretor da Escola Estadual Padre Arlindo, do município de Campo Novo dos Parecis, professor Cezar Augusto Guedes, relatou que na escola que administra,  a última reforma foi feita no ano de 2003. Segundo ele, a rede elétrica não comporta atualmente as necessidades da instituição escolar devido à espessura dos fios que não suportam mais carga.

“Desde a gestão do Maggi até hoje, não há reformas, somente maquiagem. Não dá para usar nem ventiladores nas salas de aula imaginem ar condicionado”, reclamou. Por falta de capacidade da rede elétrica o docente disse que em menos de um ano 13 ventiladores foram danificados na escola que administra.

Em Cuiabá, uma das unidades citadas com problemas estruturais é a  Escola Estadual Leovegildo de Melo, no CPA III. O estabelecimento dispõe de 6 aparelhos de ar condicionado que não podem ser ligados pelos riscos que poderá provocar na rede elétrica.

Em Cáceres, o representante da sub-sede do Sintep, Orlando Cavalcante, aponta que as escolas são usadas para interesses eleitorais. “Alguns políticos mandam fazer uma pintura ou um puxadinho e pronto. Dá a impressão que as escolas estão em boa conservação, mas o tempo  acaba mostrando que não”, observou ele.

O professor denunciou ainda, princípios de incêndio e até ocorrências de maiores proporções ocasionadas por problemas na rede elétrica. “As paredes estão mofadas e várias escolas já foram queimadas em Cáceres por curtos nas instalações elétricas”, criticou Orlando.

Em Barra do Garças a denuncia se refere ao recebimento de tablets na Escola Maria Nazareth. A unidade escolar está inclusa no programa do Governo Federal "Um Computador por Aluno", porém não pode utilizar os aparelhos por falta de tomadas de energia elétrica. Os equipamentos continuam empacotados e  envelhecendo sem condições de uso.

Sintep protocola denúncia

Paralelo a manifestação na praça, os representantes do Sintep/MT protocolaram em cinco órgãos públicos um dossiê com 264 páginas ilustrado com fotografias e descrição dos problemas registrados nos estabelecimentos educacionais. 

 Receberam o documento com a denúncia: Ministério Público Estadual (MPE), Gabinete do Governador, Tribunal de Contas do Estado (TCE), Secretaria de Estado da Educação  (Seduc) e Assembleia Legislativa de Mato Grosso.

Os trabalhadores da Educação de Mato Grosso institucionalizaram o dia 15 de maio como uma data em que se manifestarão em prol do ensino público de qualidade. A manifestação teve início neste ano de 2013 e se depender da iniciativa do Governo Estadual em promover as reformas nas escolas, o protesto seguira por muitos anos.


 leia também
Terça, 23 de maio de 2017
09:24
Chapeu MADEIRA-MAMORÉ
Homenagem aos 105 anos da ferrovia
Exposição "Trilhos do Tempo", com obras do artista plástico Amaury Dantas, fica em cartaz na Galeria Lava Pés até 26 de maio
09:21
Chapeu DOR DE CABEÇA
Pesquisa revela que 81% se automedicam
O número de pacientes que estão tomando medicação sem orientação foi um dado que deixou os médicos da ABN alarmados
09:17
Chapeu FESTIVAL DE CANNES
Clint Eastwood deu aula de cinema
Cineasta vai completar 87 anos no próximo dia 31 de maio e não precisa provar nada a ninguém
Segunda, 22 de maio de 2017
19:39
Chapeu Justiça
Defesa de Temer desiste de recurso no STF que pedia suspensão de inquérito
A defesa do presidente Michel Temer desistiu hoje (22) do recurso no qual solicitou ao Supremo Tribunal Federal (STF) a suspensão das investigações relacionadas ao presidente.
19:38
Chapeu AGROMAIS
Ministério da Agricultura entrega Kits de irrigação
O programa vai qualificar 5.000 pequenos produtores
Domingo, 21 de maio de 2017
19:07
Chapeu Delação premiada
Associação critica falta de perícia prévia em áudio entregue por dono da JBS
A Associação Nacional dos Peritos Criminais Federais divulgou nota questionando o fato de a Procuradoria-Geral da República (PGR) não ter periciado o áudio da conversa que o empresário Joesley Batista, dono da JBS, gravou com o presidente Michel Teme
Sábado, 20 de maio de 2017
20:58
Chapeu Delação JBS
Temer vai pedir ao STF suspensão de inquérito até que gravação seja periciada
Em pronunciamento na tarde deste sábado (20), o presidente da República, Michel Temer, disse que vai pedir ao Supremo Tribunal Federal (STF) para que o inquérito aberto contra ele seja suspenso
20:53
Chapeu  EM SETEMBRO
Ballet da Ucrânia vem dançar Tchaikovsky em Cuiabá
Companhia celebra seus 150 anos com turnê pelo Brasil, apresentando-se em oito cidades, incluindo a capital mato-grossense
20:49
Chapeu NOVA YORK
Basquiat supera US$ 110 milhões em leilão
Com o preço alcançado, Basquiat, que morreu com 28 anos, chega ao patamar de artistas como Andy Warhol, Francis Bacon, Roy Lichtenstein, Jackson Pollock e Picasso
20:41
Chapeu ANIVERSÁRIO
Livramento (MT) comemora 287 anos
Programação se desenvolve sábado e domingo com comercialização de produtos regionais e atrações culturais, como destaques.

+ ver todas as matérias
Eparre

 Temer e os Irmãos Batista


A relação do presidente Michel Temer com os Batista, segundo dados de uma investigação determinada pelo ministro Edson Fachin do STF, foi bastante próxima a ponto de Joesley, suspeito, junto com o irmão, nas operações Sepsis, Cui Bono e Greenfield (fora outras duas instauradas), ser recebido sem quaisquer incômodos pela segurança da presidência, ingressando no porão do Palácio Jaburu onde, clandestinamente, conduziu uma conversação capaz de comprometer seu interlocutor.

 Ação controlada


A Procuradoria Geral da República, através de uma "ação controlada", obteve provas de pagamento de propinas ao peemedebista, deputado Rodrigo Rocha Loures, da mais absoluta confiança do presidente, incumbido de resolver problemas no fornecimento de gás que lhe garantiam e, suspeita-se, a Michel Temer, a "módica" quantia de R$ 500.000,00 por semana durante 20 anos, num total de R$ 486 milhões de reais. A entrega da primeira parcela foi integralmente filmada e acompanhada por agentes da Polícia Federal.

 Mala desaparecida


As notas, sequenciadas e marcadas, foram entregues ao deputado que viajou, pouco depois, para Nova Iorque, retornando ao Brasil onde o seu afastamento das funções parlamentares já foi decidido pelo STF. A mala está desaparecida. Não se teve, ainda, notícias do dinheiro circulando pelo mercado financeiro.

 Golpe não se sustenta


Tudo leva a crer que o golpe que apeou a ex-presidente Dilma Roussef do poder entra em convulsão. A parada nas Casas Legislativas é um péssimo sintoma, por mais que Eunício Oliveira (PMDB) e Rodrigo Maia (DEM(, respectivamente presidentes do Senado e da Câmara dos Deputados demonstrem alguma iniciativa para fazer as reformas propostas caminharem. Esse estado de "suspense" é indicativo de que os deputados e senadores, em visita as respectivas bases, estão avaliando a situação para verificar, afinal, para onde navega o Titanic para ver se há tempo de desviá-lo do iceberg. Falta apenas quem toque o violino para aliviar as angústias do naufrágio.

Eparre

Segunda, 22 de maio de 2017
K.W
Tenho me divertido mais com as caricaturas da internet. Isso me parece uma grande futrica. Nada mais. E se me escutaram devem é ter achado graça de tanta bobagem que falo. Também coisas sérias. Mas acho bom ver pq não é esse o caminho certo.

Quinta, 18 de maio de 2017
Lourival Ferreira
Acho bom que as instituições se movimentem para apurar mas isto é praxe na rotina de correição do TJ.

Sábado, 13 de maio de 2017
Celio
O TCE tem culpa no cartório. Pra que tantos auditores e a nata do serviço público não consegue enxergar nada de errado quando todos falam que tem.

Sábado, 13 de maio de 2017
Odacil Ferreira
Sempre achei esse site muito simpático ao Riva pai e agora aos Riva filhos. A Janaína "não sabia de nada" o irmão "não sabia de nada" e o capataz "não sabia de nada". A moda pegou.

DEIXE SUA OPINIÃO OU COMENTÁRIO
Nome:
Texto:
Email:
Coluna:
Vídeos
 HUMOR
Melhor truque com cartas de todos os tempos
HOME  |   TURMA DO EPA  |   PANORAMA  |   VÍDEOS  |   LEITURA  |   EPARRÊ  |   EPA DOS LEITORES
BROADCAST  |   QUEM SOMOS  |   DIREITO DE RESPOSTA  |   ANÚNCIOS  |   CANAL RSS  |   CONTATO
Copyright © 2011 - Turma do Epa. Todos os direitos reservados